Atualidades

Autores exclusivos, escrevendo sobre os mais variados assuntos do mundo do entretenimento

Bacanérrima Mostra de Miguel Rio Branco

publicado Segunda, 18 de Junho de 2018, 11:37 h

A Paulo Darzé Galeria promoveu a bacanérrima exposição individual Cabisbaixo no paraíso, 55 imagens de Miguel Rio Branco. 

Miguel Rio Branco nasceu em 1946. Filho de diplomata, viveu a infância e adolescência entre a Espanha, Portugal, Brasil, Suíça e Estados Unidos. Começou sua carreira profissional em 1964, com uma exposição de pintura em Berna, Suíça. Em 1966, estudou no New York Institute of Photography e em 1968 na Escola Superior de Desenho Industrial do Rio de Janeiro. No início dos anos 1970, trabalhou como fotógrafo e dirigiu filmes experimentais em Nova York. Em 1972, começou a expor seus trabalhos de fotografia e cinema e continuou a dirigir filmes de curtas e longas metragens durante os nove anos seguintes. Dentre seus curtas-metragens estão, por exemplo, A Jaula (1969), Apaga-te Sésamo (1985). Dentre seus longas-metragens podemos citar Revólver de brinquedo (1971), Dayse das Almas deste Mundo, (1991). 

Desde 1980 é correspondente da Magnum Photos. Entre as principais instituições em que expôs em individuais e coletivas estão o Museu Georges Pompidou, em Paris, o MASP, em São Paulo, o Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro.