Atualidades

Autores exclusivos, escrevendo sobre os mais variados assuntos do mundo do entretenimento

Tropicália: Régua e Compasso

publicado Segunda, 06 de Fevereiro de 2017, 08:00 h

O tema Artes Visuais será debatido na próxima edição de A sopa de Maria, amanha, 07.02, às 17h, na parte externa do Palacete das Artes, compondo a programação gratuita do projeto Tropicália: Régua e Compasso. Neste encontro haverá um bate-papo sobre as Artes Visuais no período em que a cidade de Salvador vivia a efervescência cultural dos anos 60, antes da cristalização do movimento musical no eixo Rio-São Paulo.

Solange Bernabó

Irão compartilhar vivências e experiências: Renato da Silveira, artista plástico e gráfico, professor da Ufba e doutor em Antropologia pela École dês Hautes Études em Sciences Sociales de Paris; Paulo Dourado, diretor teatral, com trajetória como professor na Escola de Teatro da Ufba e membro da Associação Amigos de Smetak; a galerista Solange Bernabó (Sossó), filha e curadora das obras do artista Carybé; e Carla Zollinger, doutora Arquiteta pela Escola Técnica Superior D’Arquitectura de Barcelona, Universitat Politècnica de Catalunya ETSAB-UPC.

Andrea Nascimento

Além do bate-papo descontraído, A Sopa de Maria oferece para o público uma sopa, que nesta edição será feita pela chefe Andréa Nascimento. Ela foi a fundadora da primeira creperia da cidade de Salvador e vivenciou importantes experiências formativas, com destaque para workshops com o chef Alex Atala e imersão gastronômica pelo Novo México. Ao longo dos anos, acumulou prêmios. Atua há 22 anos na área de food service.

Paulo Dourado